17.9.14

Ninguém ama outra pessoa por ela ser educada, vestir-se bem ou ouvir Caetano. Isso são referenciais. Ama-se pelo cheiro, pelo mistério, pela paz que o outro lhe dá ou pelo tormento que provoca. Ama-se pelo tom de voz, pela maneira como os olhos piscam, pela fragilidade que se revela quando menos se espera.
(Fotografia da minha autoria)

16.9.14

Há sempre tempo para uma chamada quando não dá para ir tomar um café. Há sempre tempo para um café quando não há tempo para um jantar e haverá sempre um jantar quando não der para passar um fim de semana juntos.
(Fotografia da minha autoria)
Naquela hora havia milhões de pessoas a dormir. Estava longe e bem lá no alto. A vista não era nada mais nada menos que fabulosa. Não passava pela cabeça dos meus pais onde estava nem o que estaria a fazer, caso lhes dissesse, não acreditariam em toda a descrição que faria de tudo aquilo que estava diante dos meus olhos.
Por lá não se ouve carros e as pessoas parecem formigas.
Naquele lugar as estrelas e a lua trazem o cenário perfeito.
(Fotografia da minha autoria)

15.9.14

VOLTEI À MINHA PRAIA! Depois de tempos e tempos sem passar por cá, decidi mudar a cara do Blog e refrescar alguns pormenores. Cada vez mais simples e claro, espero que gostem tanto quanto eu!
A partir de hoje todas as minhas novidades passam por aqui, todos os click's ficam gravados neste mesmo espaço, espaço este que já me acompanha à imensos anos. Gravem o dia de hoje.
(Fotografia da minha autoria)

31.5.14

Por esta altura, à cerca de 3 anos atrás, andava maluca à procura do meu vestido para o baile de finalistas. Por esta altura, à cerca de 2 anos atrás, não sabia o que queria, se estudar ou trabalhar. Por esta altura, à cerca de um ano atrás, estava a fazer melhoria de notas e pronta para entrar na faculdade. Hoje em dia sei que tomei as decisões certas, no tempo certo e felizmente, agora, não me falta nada.
O tempo passa a correr, por isso, o que me resta fazer é aproveita-lo ao máximo.